Outros




03.08.2011
28º Congresso de Cardiologia da Socerj


 


O QUE: 28º CONGRESSO DE CARDIOLOGIA DA SOCERJ (Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio de Janeiro)
QUANDO: 03 a 06 de agosto
ONDE: Hotel Intercontinental – São Conrado, Rio de Janeiro/RJ


 


A Hipertensão Arterial Pulmonar (HAP), uma doença de difícil diagnóstico e fatal, será abordada, haverá uma mesa-redonda no dia 6, que contará com a participação do pneumologista e coordenadora do ambulatório de HAP do Hospital Clementino Fraga, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Dr. Daniel Waetge, e do cardiologista Marcelo Bandeira que também integra a equipe de HAP do Hospital da UFRJ.


“A importância de falar sobre HAP no congresso é de oferecer condições aos médicos, de conhecerem a doença e solicitarem mais exames para HAP quando tiverem pacientes queixando-se de falta de ar. O evento ainda é uma oportunidade para divulgar os Centros de Referência da cidade, que promovem assistência a pacientes e também aos médicos”, destaca Dr. Bandeira.


Sobre a doença – A HAP se caracteriza pela elevação anormal da pressão sanguínea das artérias pulmonares. É desconhecida no meio médico e pode ser facilmente confundida com outras doenças, porque seus principais sintomas – falta de ar, cansaço, dor no peito, tonturas e palpitações frequentes, pele azulada e inchaço nos pés e tornozelos – estão também relacionados a doenças como a cardiopatia isquêmica coronariana, miocardiopatias, asma brônquica e até estados depressivos. Por ser grave, em média, a sobrevida dos portadores da HAP sem tratamento é de até dois anos. A Hipertensão Arterial Pulmonar também pode ser desenvolvida em consequência de outras doenças, como câncer, AIDS, esquistossomoses, entre outras.


 


 


OXIMED





Fonte: http://www.revistafator.com.br
Voltar